Anúncios

Veja 5 dicas antes de fazer um empréstimo com garantia de imóvel e fazer um bom negócio. O empréstimo com garantia de imóvel é uma modalidade de crédito que oferece vantagens como juros baixos, prazos longos e valores altos. No entanto, essa opção também envolve riscos, como a perda do imóvel em caso de inadimplência.

Anúncios

Por isso, antes de contratar esse tipo de empréstimo, é preciso que você tome alguns cuidados e siga algumas dicas. Neste artigo, vamos apresentar 5 dicas essenciais para você fazer um empréstimo com garantia de imóvel de forma segura e consciente.


1. Avalie a sua necessidade e capacidade de pagamento: 5 dicas ao fazer empréstimo com garantia de imóvel

A primeira dica é avaliar se você realmente precisa de um empréstimo com garantia de imóvel e se você tem condições de pagar as parcelas sem comprometer o seu orçamento. Esse tipo de crédito é indicado para quem precisa de um valor alto para realizar um projeto de longo prazo.

Isso inclui investir em um negócio, fazer uma reforma ou quitar dívidas caras. Não vale a pena usar o seu imóvel como garantia para obter um empréstimo de valor baixo ou para gastar com coisas supérfluas.

Anúncios

Além disso, você deve fazer um planejamento financeiro e verificar se a sua renda mensal é suficiente para arcar com as parcelas do empréstimo, sem comprometer as suas despesas básicas e a sua reserva de emergência.

Lembre-se de que as parcelas não podem ultrapassar 30% da sua renda bruta familiar, pois esse é o limite máximo estabelecido pela maioria das instituições financeiras que oferecem esse tipo de crédito.

2. Pesquise e compare as condições oferecidas pelas instituições financeiras

A segunda dica é pesquisar e comparar as condições oferecidas pelas diferentes instituições financeiras que disponibilizam o empréstimo com garantia de imóvel.

Anúncios

Sendo assim, você deve levar em conta fatores como a taxa de juros, o prazo de pagamento, o valor máximo liberado, as tarifas cobradas, os requisitos exigidos e o tempo de análise e liberação do crédito.

Além disso, você pode usar sites e aplicativos que fazem a simulação e a comparação de empréstimos com garantia de imóvel como o Serasa.

Essas ferramentas permitem que você visualize as ofertas de diversas instituições financeiras, como bancos, fintechs e cooperativas de crédito, e então escolha a que melhor se encaixa na sua necessidade.

3. Leia o contrato atentamente e tire todas as suas dúvidas

A terceira dica é ler o contrato do empréstimo com garantia de imóvel com atenção e tirar todas as suas dúvidas antes de assiná-lo. Verifique se todas as informações e condições estão de acordo com o que foi acordado previamente

Anúncios

Isso inclui o valor do empréstimo, a taxa de juros, o prazo de pagamento, o valor das parcelas, as tarifas cobradas, as penalidades em caso de atraso ou inadimplência, as cláusulas de rescisão e as regras para a liberação do imóvel após a quitação do empréstimo.

Além disso, você também deve se certificar de que entendeu todos os termos do contrato, como alienação fiduciária, CET, IOF, TAC, entre outros.

Por fim, se você tiver alguma dúvida, não hesite em perguntar ao representante da instituição financeira ou a um advogado especializado. Não assine o contrato sem ter certeza do que está fazendo e dos riscos envolvidos.

4. Considere os custos adicionais: 5 dicas ao fazer empréstimo com garantia de imóvel

A quarta dica é que você considere os custos adicionais envolvidos na operação de empréstimo com garantia de imóvel. Além dos juros e das tarifas cobrados pela instituição financeira, você também terá que arcar com os custos de cartório.

Anúncios

Tudo isso inclui a avaliação do imóvel, a emissão da certidão negativa de ônus, a escritura pública, o registro da alienação fiduciária e a averbação da quitação do empréstimo.

Esses custos variam de acordo com o estado, o município, o valor do imóvel e o valor do empréstimo, mas podem representar até 5% do valor total do crédito. Por isso, você deve incluí-los no seu planejamento financeiro e verificar se eles não vão comprometer a sua capacidade de pagamento.

Leia Também: Investir em Apartamentos Vale a Pena?

5 Dicas Antes de Fazer um Empréstimo com Garantia de Imóvel
Imagem/Freepik

5. Entenda os riscos e as consequências de não pagar o empréstimo

A quinta e última dica é entender os riscos e as consequências de não pagar o empréstimo com garantia de imóvel. Como você já sabe, ao contratar esse tipo de crédito, você transfere a propriedade do seu imóvel para a instituição financeira até que a última parcela seja paga. Isso significa que, se você atrasar ou deixar de pagar as parcelas, você pode perder o seu imóvel.

O processo de retomada do imóvel pela instituição financeira é regulamentado pela Lei nº 9.514/1997, que estabelece as seguintes etapas:

  • Notificação extrajudicial: a instituição financeira envia uma notificação ao devedor, informando o valor da dívida e o prazo para a quitação, que é de 15 dias. Se o devedor não pagar ou não contestar a dívida nesse prazo, a instituição financeira pode consolidar a propriedade do imóvel em seu nome.
  • Leilão público: a instituição financeira realiza dois leilões públicos para vender o imóvel e receber o valor da dívida. No primeiro leilão, o valor mínimo do imóvel é o valor da dívida mais os encargos e as despesas. No segundo leilão, o valor mínimo do imóvel é o valor da dívida. Se o imóvel não for vendido nos dois leilões, a instituição financeira fica com o imóvel e pode vendê-lo posteriormente pelo preço que quiser.

Portanto, é fundamental que você tenha consciência dos riscos de perder o seu imóvel e das consequências que isso pode trazer para a sua vida pessoal e financeira. Por isso, só faça um empréstimo com garantia de imóvel se você tiver certeza de que poderá pagar as parcelas em dia e se você não tiver outras alternativas de crédito mais seguras e vantajosas.

Conclusão: 5 dicas ao fazer um empréstimo com garantia de imóvel

Em resumo, o empréstimo com garantia de imóvel é uma modalidade de crédito que pode ser útil para quem precisa de um valor alto para realizar um projeto de longo prazo, mas que também envolve riscos e custos.

Por isso, antes de contratar esse tipo de empréstimo, é preciso seguir algumas dicas como avaliar a sua necessidade e capacidade de pagamento. Pesquise e compare as condições oferecidas pelas instituições financeiras, leia o contrato atentamente e tire todas as suas dúvidas.

Além disso, considere também os custos adicionais envolvidos na operação e entenda os riscos e as consequências de não pagar o empréstimo.

Seguindo essas dicas, você poderá fazer um empréstimo com garantia de imóvel de forma segura e consciente. Obrigado pela sua atenção.

Share.

Meu nome é Rodrigo Gomes, e sou o fundador do Ofan, um site dedicado ao mundo das finanças. Através de uma abordagem clara e objetiva, nosso objetivo é fornecer conteúdo de qualidade que seja relevante e útil para nossa audiência. E-mail: [email protected]

Anúncios

Leave A Reply

Anúncios
Anúncios
Este site usa cookies para melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com nossa Política de Cookies.   
Privacidad